Barra
Connect with us

Business

Especialista explica a diferença entre selo de verificação pago no Instagram e Facebook e o conquistado

Published

on

Camila Silveira pontua que é muito importante diferenciar a autoridade da segurança ao ser verificado organicamente do que pagar mensalidade 

O diretor-executivo da Meta, Mark Zuckerberg, anunciou no mês passado a criação do “Meta Verified”,um pacote de assinaturas no Instagram e Facebook que inclui o selo de verificado que autentica sua conta. Os testes se iniciaram na Austrália e Nova Zelândia. Houve uma grande repercussão entre influenciadores, celebridades e outras contas com a notícia que gerou enormes opiniões controversas. Mas, para quem se animou com a novidade, a especialista em Marketing e Negócios Interativos Camila Silveira diz que haverá diferença entre a verificação conseguida organicamente e a através de mensalidade. 

“Lançados primeiramente pelo Twitter, os selos de verificação “comprados” apresentam diferenças importantes. Quem acha que vai comprar aquele selo azulzinho que só os mais famosos têm, está enganado.De acordo com a atual forma de verificação do Twitter, os selos cinza, dourado/amarelo e azul são destinados a grupos distintos.A pergunta é: Será que o Meta vai seguir exatamente o mesmo caminho?”, questiona. 

Para entender melhor, Camila pontuou o funcionamento de cada um:

Selo Dourado: 

“A marca dourada/amarela é destinada a contas comerciais e empresas. Porém, ao contrário do sistema anterior, ele não será destinado a indivíduos, como celebridades ou jornalistas”.

Selo cinza

“A marca cinza é apenas para perfis de governos e políticos. Segundo a rede social, a ideia dos novos selos é facilitar a identificação das contas verdadeiras. Os dois selos não são pagos e o sistema de verificação seguirá os mesmos critérios atuais”

.

O tão sonhado selo azul

“Como já conhecido, o selo azul é adquirido por usuários que comprovam ser pessoas públicas. Já o novo selo de verificação (também azul) é apenas para os usuários que assinam o Twitter Blue. O valor da assinatura mensal é de U$8 para a web ou U$11, caso seja feita em um iPhone ou iPad”.

Camila Silveira  esclarece que o selo azul, aquele que é dado por relevância, continua tendo o mesmo sistema de “conquista por reconhecimento”, a partir de publicações e permanência na imprensa.

“As pessoas estão achando que vão conseguir comprar aquele tão desejado selo de verificação que é dado a perfis relevantes, quando, na verdade, eles irão pagar por mais um sistema de segurança onde todos saberão  do selo- que se trata de uma assinatura e não de uma personalidade notável. Ainda existem muitas inseguranças em o grupo Meta , não criar uma ‘nova cor’ de selo e deixarem subentendido de se tratar ou não de uma pessoa pública. Na verdade, todos querem construir uma carreira, se posicionar no mercado e se tornar um profissional que tem credibilidade como autoridade naquela profissão. Assim, é muito mais interessante adquirir o selo de verificação azul da forma que já estamos acostumados, pois quando se tem um produto/serviço de desejo, geramos um ego e competição natural por tal aquisição, logo, transformar isso em algo ‘comprável’ de forma camuflada e injusta irá desapontar os que se esforçaram para se diferenciar no mercado”, finaliza. 

Para continuar acompanhando estas e outras notícias siga @camilasilveiraoficial

Continue Reading
Advertisement

Business

Chega oficialmente ao Brasil o BYD Dolphin Mini de 5 lugares

Published

on

By

Atenta às demandas do mercado brasileiro, a greentech apresenta uma nova versão do modelo, que agora recebe cinco pessoas e apresenta uma outra novidade

(19/07/2024) – O BYD Dolphin Mini, um mês após sua estreia, em fevereiro deste ano, virou o carro elétrico sensação do Brasil e figura entre os 10 compactos mais vendidos do país, entre todas as marcas, reafirmando o desejo dos brasileiros de ter acesso a um veículo sustentável com tecnologia de ponta, conectividade, design, ótima autonomia e com um preço acessível.

O modelo chegou para ser o primeiro carro elétrico de muitos brasileiros e, agora, para
completar a família, estreia no mercado a configuração de 5 lugares. Atualizando o status de carro “game-changer”, o BYD Dolphin Mini ganha uma nova versão para atender às necessidades dos consumidores, mantendo o preço competitivo, de R$119.800.
Além disso o mais novo estreante da linha BYD no mercado nacional também traz consigo um dos itens de tecnologia avançada da marca mais aclamados pelos consumidores: a câmera 360º. São diversas câmeras instaladas pelo veículo que, em sua tela de multimídia podem ser visualizadas ao mesmo tempo, dando ao motorista mais segurança e conforto ao dirigir, em manobras e ao estacionar – uma comodidade oferecida pela greentech e que caiu no gosto dos brasileiros.

O mais novo membro da famíliaBYD Dolphin Mini é construído na mesma plataforma do seu irmão de 4 lugares, a e-platform 3.0. O modelo está disponível nas cores verde Sprout Green com interior azul claro, preto Polar Night Black com interior azul escuro, Peach Pink com interior também rosa e branco Apricity White, com opção de acabamento interno azul escuro ou rosa.

48 HORAS ELETRIZANTES
Os consumidores já podem encontrar o BYD Dolphin Mini de 5 lugares nas mais de 100
concessionárias da marca em todo o Brasil. O novo 100% elétrico chega ao mercado com taxas especiais de 0,99% exclusivas da quarta edição da campanha “48 Horas Eletrizantes” que acontece nos dias 19 e 20 de julho.

Sobre a BYD
Líder na comercialização de veículos elétricos no Brasil e consolidada na fabricação de tecnologia de energia solar, a BYD vem expandindo sua atuação no país, desde sua chegada em 2013. Compromissada em cuidar do planeta e investir na transição energética sem emissão de poluentes, a empresa possui em solo nacional fábricas de montagem de chassis de ônibus 100% elétricos e de produção de módulos fotovoltaicos, ambas em Campinas (SP). Tem também no Polo Industrial de Manaus (AM), uma unidade dedicada à produção de baterias de fosfato de ferro-lítio. Além disso, importa empilhadeiras, paleteiras, rebocadores e caminhões para o Brasil, todos 100% elétricos. Em novembro de 2021, começou a comercialização de automóveis de passeio no país e já conta com diversos modelos e uma rede consolidada de concessionárias em operação. No ano passado deu início ao projeto para a construção do Complexo de Camaçari, na Bahia, onde vai instalar a primeira fábrica de carros fora da Ásia. A companhia ainda é responsável por um projeto de SkyRail (monotrilho) na cidade de São Paulo (SP) (Linha 17 – Ouro do metrô). Eleita pela revista americana Times como uma das 100 empresas mais influentes do mundo, a BYD integra o Pacto Global das Nações Unidas (ONU), uma iniciativa que fornece diretrizes para a promoção do crescimento sustentável e da cidadania, por meio de lideranças corporativas comprometidas e inovadoras.

Continue Reading

Business

Oito milhões de carros eletrificados: BYD alcança marca histórica em apenas quatro meses

Published

on

By

BYD alcança marca histórica em apenas quatro meses Greentech havia registrado produção de 7 milhões em março desse ano; no Brasil, BYD Song Plus DM-i ultrapassa volume de 10 mil unidades vendidas.

(05/07/2024) – A BYD consolida sua liderança global em veículos de nova energia ao ultrapassar a marca de 8 milhões de carros produzidos. Além do volume, chama atenção a velocidade do crescimento. Até alcançar a fabricação de um milhão de eletrificados, foram 13 anos. Em um ano bateu 2 milhões de unidades eletrificadas produzidas. O terceiro milhão chegou em seis meses e a companhia bateu 5 milhões em agosto de 2023. E logo em novembro, três meses depois, foi alcançado o novo recorde, de 6 milhões de carros eletrificados produzidos. Somados quatro meses, em março de 2024, a companhia bateu os 7 milhões de carros que saíram da linha de produção e mais quatro meses para o recorde máximo atual: 8 milhões de carros de nova energia entregues.

Com a forte expansão de sua presença no mundo nos últimos anos, a companhia está presente em mais de 400 cidades de 88 países em 6 continentes e, recentemente, inaugurou a mais nova fábrica na Tailândia. Somente no primeiro semestre de 2024, a greentech vendeu mais de 1,6 milhão de veículos eletrificados em todo o mundo, um aumento de 28% em relação ao ano anterior, reflexo de seu crescimento exponencial e que solidifica ainda mais a sua posição de destaque no cenário global.

No Brasil, a BYD se solidificou entre as 10 marcas automotivas que mais emplacam no país,
mantendo-se no ranking pelo terceiro mês consecutivo. Em junho, registrou 5.335 unidades emplacadas. Entre os 100% elétricos, a BYD garantiu a liderança novamente e domina mais de 65% do mercado, com 3.346 unidades emplacadas, mais do que todos os concorrentes somados (de novo).

O destaque do mês fica com o BYD Song Plus, o híbrido plug-in mais emplacado (1.911). Mais: o Song Plus ultrapassou a marca de 10 mil unidades circulando no país no acumulado de 2024, sendo o modelo PHEV que mais emplacou no mercado brasileiro.

Outra conquista relevante vai para o BYD King que, com apenas 6 dias no mercado, chegou à sexta posição no ranking dos sedãs mais emplacados no Brasil em junho, com 78 unidades que já ganharam as ruas.

“O mês de junho foi excelente para a BYD. Comemoramos um ano do lançamento do BYD Dolphin, o nosso modelo 100% elétrico que causou uma revolução no mercado automotivo brasileiro e virou referência, ao dar vida ao ʻEfeito Dolphinʼ, obrigando a concorrência a rever preços. Essa conquista reafirma que o brasileiro tem desejo de ter acesso a um veículo eficiente, inovador e que contribui para reduzir a emissão de poluentes”, celebra Alexandre Baldy, Vice-Presidente Sênior da BYD no Brasil.

Segundo o executivo, a marca segue sua estratégia de trazer para o país carros eletrificados com melhor custo-benefício e anuncia que, em breve, a BYD terá novas novidades que agitarão o mercado, como o lançamento de diversos outros modelos e sempre apresentando novas oportunidades que despertarão o interesse do consumidor brasileiro.

BYD Song Plus é o híbrido plug-in mais vendido do Brasil no acumulado de 2024

A BYD continuará o projeto de expandir a sua presença no mercado global, com sua tecnologia de ponta e seus produtos inovadores para atender às diversas necessidades de consumidores em todo o mundo.

ACUMULADO DO ANO

Entre janeiro e junho, a BYD ostenta mais de 72% do mercado de 100% elétricos e conta com 22.346 unidades emplacadas, acima do número alcançado em todo o ano de 2023. Na soma de carros 100% elétricos e veículos híbridos, são mais de 32.459 novos carros nas ruas do Brasil neste ano, um verdadeiro case de sucesso e a prova de que o brasileiro gosta sim de carros eletrificados.

BYD NAS LIDERANÇAS REGIONAIS

O mês das festas juninas também traz comemorações para a marca, por ter alcançado o top 3 do ranking de emplacamento geral nas cidades de Valinhos (SP), São José dos Pinhais (PR), Indaiatuba (SP), Resende (RJ), Natal (RN) e Mossoró (RN). Em Santana de Parnaíba (SP) a BYD foi a marca que teve mais veículos emplacados ante todas as outras, com 36 novos veículos circulando. Ainda, a BYD foi a terceira marca a emplacar mais carros no Rio Grande do Norte, acima de grandes nomes da indústria tradicional que ainda faz carros a combustão.

A BYD segue sua expansão pelo Brasil e pode comprovar que os carros elétricos já caíram no gosto do brasileiro. Levantamento feito pelo DataFolha mostra que 2 em cada 3 pessoas pagariam mais caro em carro elétrico para combater mudanças climáticas.

Sobre a BYD

Líder na comercialização de veículos elétricos no Brasil e consolidada na fabricação de tecnologia de energia solar, a BYD vem expandindo sua atuação no país, desde sua chegada em 2013. Compromissada em cuidar do planeta e investir na transição energética sem emissão de poluentes, a empresa possui em solo nacional fábricas de montagem de chassis de ônibus 100% elétricos e de produção de módulos fotovoltaicos, ambas em Campinas (SP). Tem também no Polo Industrial de Manaus (AM), uma unidade dedicada à produção de baterias de fosfato de ferro-lítio. Além disso, importa empilhadeiras, paleteiras, rebocadores e caminhões para o Brasil, todos 100% elétricos. Em novembro de 2021, começou a comercialização de automóveis de passeio no país e já conta com diversos modelos e uma rede consolidada de concessionárias em operação. No ano passado deu início ao projeto para a construção do Complexo de Camaçari, na Bahia, onde vai instalar a primeira fábrica de carros fora da Ásia. A companhia ainda é responsável por um projeto de SkyRail (monotrilho) na cidade de São Paulo (SP) (Linha 17 – Ouro do metrô). Eleita pela revista americana Times como uma das 100 empresas mais influentes do mundo, a BYD integra o Pacto Global das Nações Unidas (ONU), uma iniciativa que fornece diretrizes para a promoção do crescimento sustentável e da cidadania, por meio de lideranças corporativas comprometidas e inovadoras

Continue Reading

Business

Campanha Nacional de Doação de Sapatos para APAEs – Seu Pezinho virou Pezão

Published

on

By

Na última semana, o Hotel SJ Premium Goiânia foi palco de um encontro que vai mudar a vida de milhares de crianças, a Dra. Mírian Queiroz, Procuradora Geral Fenapae e Representante da Apae Anápolis, Cacilda, Representante Apae Teresina e Walkíria Calixto, CEO Pezinho e Cia assinaram o compromisso e oficializaram a campanha nacional de doação de sapatos, “Seu pezinho virou pezão”, em parceria entre a Pezinho e Cia e as APAEs de todo o país.

Espera-se arrecadar mais de 2500 pares de sapatos superando a meta de 2023.

A campanha “Seu Pezinho Virou Pezão” tem como objetivo arrecadar calçados infantil e infantojuvenil, novos e seminovos, em bom estado de conservação, para serem doados. Serão 33 pontos de coleta espalhados por todo o Brasil, em que os sapatos serão triados, limpos e embalados. Em seguida, serão encaminhados para as diversas APAEs, e, então, destinados às crianças. As doações poderão ser feitas a partir do dia 19 de junho em qualquer loja do Pezinho e Cia em todo o território nacional.

O projeto nasceu da vontade da CEO Walkiria Calixto de criar uma ação que abraçasse a sociedade: “Após quatro décadas atuando no mercado infantil, sentimos o desejo de retribuir à comunidade parte do que recebemos ao longo desses anos. Por isso, decidimos unir esforços com outras pessoas e organizações que compartilham desse propósito social. Com essa parceria com a APAE, vamos garantir que nossas doações cheguem às mãos de quem realmente precisa. Estamos empolgados para ver a participação da comunidade nessa iniciativa e também envolver a indústria de calçados infantis, uma vez que somos uma das maiores compradoras do setor no país. Uma simples doação pode transformar o dia a dia de uma criança, oferecendo-lhe uma base mais segura para caminhar em direção a um futuro melhor”.

Continue Reading

Trending

Copyright © MoneyFlash - Todos os Direitos Reservados. Site Parceiro do Terra